Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Comunidade Quilombola ganha espaço para acesso à internet
18/06/2012 - 16h30m

Comunidade Quilombola ganha espaço para acesso à internet

Comunidade Quilombola ganha espaço para acesso à internet

18/06/2012 - 13h20m

Centro vai beneficiar população com acesso à internet e cursos de informática básica

Uma sala com dez computadores e muitos jovens e crianças que nunca tinham sequer ligado um computador. Esse foi o cenário em Paus Preto, comunidade Quilombola do município de Monteirópolis, onde foi inaugurado mais um telecentro do programa de inclusão digital do Governo do Estado, Digitalagoas, na última sexta-feira (15).

A oferta de cursos de informática básica já começa nesta segunda-feira (18), priorizando os 27 alunos do pró-jovem, as 40 crianças de 7 a 14 anos ligadas ao PET e os 25 idosos que assistem aula à noite no Centro Comunitário Maria Joana da Conceição, onde agora funciona o telecentro.

“Na cidade é mais fácil ter acesso à internet, as comunidades não possuem essa facilidade”, comenta o Prefeito de Monteirópolis, Mailson de Mendonça, quando questionado sobre a escolha da comunidade. Mailson deixa claro que a pretensão é instalar telecentro nos cinco povoados de Monteirópolis, onde o acesso é bem mais complicado.

Em Paus Preto todos os moradores sofrem com a falta de acesso, até o presidente da Associação de Desenvolvimento Comunitário, Gilberto Martins. “Nunca tivemos um lugar pra ter acesso. Antigamente nem se pensava em ter um negócio como esse”, afirma. A jovem Sirlania Lima, de 16 anos, estava usando o computador pela primeira vez na inauguração. “Na minha escola não tem computador, mas espero aprender a usar aqui”, comenta.

Apesar do pouco acesso a computadores, “só quando vou a cidade e tenho algum dinheiro pra ir nas Lan Houses”, Paulo Vitor de 14 anos, já estava entretido com os jogos de matemática, ciências e português oferecidos através do sistema Edubuntu, instalado nas máquinas. Feliz com a inauguração, Paulo diz que o telecentro vai ser útil para fazer pesquisas da escola, e também para fazer o que ele mais gosta; jogar e conversar com as pessoas.

Mais acanhados, os idosos também estiveram presentes na inauguração. Eva Lúcia de Medeiros, 48 anos, e Jovelina Bezerra dos Santos, 67, fazem parte do grupo, que funciona a noite no Centro Comunitário. “Nosso grupo é muito divertido, muito especial. Temos palestras, vídeos, ficamos sabendo mais sobre nossa saúde, final de ano fazemos até viagem”, diz Eva Lúcia.

“Nossa professora já falou que quando inaugurasse o telecentro iria nos ensinar também a usar os computadores. Muita gente acha que idoso não aprende mais, mas já aprendi muita coisa, aprendi a contar e tenho certeza que vou me desenvolver cada vez mais. Aprender pra mim é uma terapia”, completa.

Em discurso, o prefeito agradeceu ao Governo do Estado pela parceria através do Itec -Instituto de  Tecnologia em Informática e Informação do Estado de Alagoas – e lembrou; “quando abrimos espaço para a população acessar a internet, abrimos espaço para a população adentrar no setor público, nossa pretensão é colocar telecentros nas comunidades para aproximá-las cada vez mais”, finaliza.

Inaugurações

Na sexta-feira (15) também foi inaugurado o telecentro Aloísio Ramos no bairro Padre Cícero, em Pilar. No sábado (16), a inauguração foi na zona rural de Pão de Açúcar. O projeto Digitalagoas pretende beneficiar 27 municípios que foram selecionados para receberem os 50 telecentros do programa.

 Isabelle Carvalho (ASCOM - ITEC)

Clique aqui e veja a galeria de fotos


Ações do documento